Ato jurídico perfeito


A jurisprudência sempre deve ser aplicada retroativamente?

Autores: 
Estêvão Mallet

Resumo